1 de abr de 2009

Quintus Ennius


* Pra quem não conhece as tirinhas do Laerte, o Gato tem uma identidade secreta (ou uma identidade imbecil, segundo versões) que combate o crime, etc, etc.

Quintus Ennius é uma espécie de "pai" da literatura latina, e tem uma frase ótima: filosofe, mas com moderação. Não é bem assim, tradução livre... ótimo, né? Ando filosofando demais, então peguei uns áudios do Woody Allen pra rir um pouco - da época em que ele fazia stand-up comedy, pequenas apresentações em clubes onde explorava suas neuroses novaiorquinas de maneira hilária...
Num dos trechos, ele conta de uma viagem a Vegas, onde consegue uma conquista amorosa - sobe imediatamente com a mulher para o quarto do hotel. Lá, incorporando o personagem do gângster sem piedade, ele rapidamente tira os óculos numa atitude típica do macho super seguro de si e começa o ritual: começa abrir a camisa. Ela abre a camisa. Ele tira a camisa e a atira para um lado. Ela tira a camisa e a arremessa para o lado. Ele desabotoa as calças. Ela desabotoa as calças. Ele tira as calças. Ela tira as calças. Então, repentinamente, ele percebe que está olhando para um espelho!
Imagino a mulher observando o comportamento... extremamente estimulante, não? Aliás, diz ele ter sido o inventor do contraceptivo oral (!): sempre que convidava uma mulher para a cama ouvia um "não"...

Nenhum comentário: